NINGUÉM MATOU SUHURA

NINGUÉM MATOU SUHURA

R$ 55,00Preço
Autora: Lília Momplé
Ilustrações: Òkun
Projeto gráfico e diagramação: Bárbara Batista
Ano: 2022
Páginas: 144
Dimensões: 14x20cm

Ninguém matou Suhura, da escritora moçambicana Lília Momplé, constitui importante testemunho da recente história de Moçambique, propondo uma reflexão aguda do colonialismo português e seus desdobramentos sociais e históricos. 

 

Obra fundamental da literatura pós-colonial moçambicana, este é um livro de contos com cinco narrativas que podem ser lidas de modo independente, mas, ao mesmo tempo, estão interconectadas de forma temática, através da representação e da denúncia da violenta experiência colonial dos povos de Moçambique e Angola ao longo do século XX. 

 

Apesar de muito conhecida e estudada nos cursos de literatura africana em expressão portuguesa das universidades brasileiras, este é o primeiro livro de Lília Momplé publicado no Brasil.

 

Na nota de apresentação à edição brasileira, Momplé compartilha as motivações, as influências e as circunstâncias que a induziram a escrever e, mais especificamente, a escrever este livro. “Este meu primeiro livro “Ninguém matou Suhura” foi escrito só depois da Independência do meu país e é a realização de um sonho antigo ao mesmo tempo que me permitiu realizar uma verdadeira catarse, livrando-me de uma carga emocional que carreguei durante anos.”

CONHEÇA TAMBÉM...